Arquipélago australiano ganhará hotel flutuante inédito

“E se a gente juntasse o lixo do oceano e construísse um resort em cima?”, a arquiteta londrina Margot Krasojevic deve ter lançado um dia, despretensiosamente, na roda com os amigos certos, na hora certa, e não é que o plano saiu do papel? O projeto experimental pensado pela britânica, batizado como Recycled Ocean Plastic Resort deve ser instalado na costa das Ilhas Cocos, arquipélago australiano, e começar a receber turistas em 2025.

O primeiro passo, segundo descreve a arquiteta, é fixar três passarelas de madeira com dispositivos de flutuação acoplados ao fundo do oceano, usando estruturas semelhantes às usadas em plataformas de petróleo, para formar o esqueleto central. O lixo será coletado por braços que sairão das passarelas e, conforme eles passam flutuando, uma malha de concreto biodegradável coberta de areia e lodo, bombeados do fundo do oceano, ficará coletando o lixo do mar.


Um campo plantado com manguezais será como uma espécie de andaime para toda a ilha, com “tentáculos” absorventes de água feitos de borracha sintética que devem ajudar a evitar que o resort flutuante vire e redirecione as ondas. Margot explica que o ecossistema tem sido usado contra enchentes, capturando ou prendendo sedimentos para construir um tipo de parede de defesa, evitando, assim, que a ilha afunde.

O propósito do projeto é formar uma ilha flutuante que, devido à quantidade de sujeira, estará em constante expansão. A gente explica de forma mais clara: quanto mais lixos do mar ficarem presos nas plataformas, maior será o local. Para isso, o resort terá uma estrutura leve de tração, como uma série de velas que podem ser esticadas sobre uma estrutura flexível de fibra de carbono.

Os chuveiros do hotel devem usar água do mar filtrada e destilada, bombeada para a instalação usando energia solar. Enquanto o complexo é desenvolvido, o espaço promete começar a receber pessoas como um local de acampamento em breve.

Sustentabilidade, turismo, ecologia, natureza e aquela adrenalina de estar no meio do nada em um hotel que flutua sob o lixo? MANDA A PASSAGEM, PELO AMOR DE DEUS! É disso que a gente gosta, é isso que a gente quer. A mala já tá pronta, só falta inaugurar. E você, toparia um fim de semana em um lugar único como este? Por aqui, já podemos ouvir as Ilhas Maldivas chorando. #IntoTheOutdoors

×

Olá

Clique no nome do atendente para tirar suas dúvidas ou envie um email para:  [email protected]

×