Gigantes de madeira reciclada se escondem em floresta da Dinamarca

A caça ao tesouro tá diferente lá na Dinamarca! Apaixonado por histórias de folclore e contos de fada, o artista Thomas Dambo resolveu trazer um pouco do universo lúdico à vida real, criando nada mais nada menos que SEIS TROLLS GIGANTES DE MADEIRA. Como se não bastasse o trampo de construir vários bichões enormes, ele ainda deixou todas as esculturas espalhadas por uma floresta em Copenhague, com o objetivo de aproximar as pessoas da natureza. 

Feitos de madeira reciclada, os trolls são tão ricos em detalhes que deixam o coração de qualquer virgiano em paz. Para a experiência ser ainda mais divertida, o artista colocou placas em pedra perto de cada escultura com dicas para encontrar o gigante seguinte, fazendo, assim, uma espécie de mapa do tesouro.

Para criar os imensos seres da floresta, Thomas contou com uma equipe de 15 pessoas, que trabalhou no projeto por 25 semanas. O material foi recolhido aos poucos, e é proveniente principalmente de antigas prateleiras de um supermercado, paletes e galhos de árvores caídas – deixando todo o significado da coisa ainda mais irado!!!

A altura das esculturas varia de 7 a 18 metros, e, segundo o artista, os gigantes são seres milenares, que conviveram com os dinossauros e assistiram de camarote (literalmente, né) o fim da Era Glacial, se tornando, assim, entidades protetoras da floresta e da própria humanidade.

A ideia do projeto, basicamente, é forçar as pessoas a desbravar a floresta e se encantar, principalmente, com a natureza que tá sempre ali, ao alcance de quem quiser. Em um dia, é possível encontrar as seis esculturas usando uma bike ou carro em 5 ou 6 horas. Para os mais dispostos, o percurso a pé pode durar até 12 horas, que ele garante que valem muito a pena. Viva a arte e criatividade de pessoas que ressignificam o conceito de AVENTURA. E aí, você encararia essa? #IntoTheIndoors

Fonte: https://www.hypeness.com.br

×

Olá

Clique no nome do atendente para tirar suas dúvidas ou envie um email para:  [email protected]

×