Pode entrar, primavera: o que esperar da estação no Brasil?

Pode entrar, primavera: o que esperar da estação no Brasil?

Inspiração para tantas canções, cenários e destinos, a primavera finalmente chegou ao hemisfério sul. Sobre as ruas ficarem mais coloridas, as árvores cheias de flores e o clima dar aquela esquentadinha, a gente já sabe. Mas, o que mais devemos esperar da estação aqui nas nossas bandas? A gente reuniu algumas informações interessantes que todo aventureiro curioso deve saber desde já.

O equinócio que separa o inverno do verão começa hoje e vai até o dia 22/12. Você já se perguntou o que raios rola com a Terra neste período, que o torna diferente do seu sucessor e seu antecessor, porém semelhante ao outono? Bom, a chegada da primavera aqui e do outono em outros cantos do mundo se deve ao fato de que, devido à posição do planeta agora, a luz solar incide da mesma forma sobre os dois hemisférios, fazendo com que os dias e as noites tenham a mesma duração, de 12 horas cada. 

Dito isso, o que nós, brasileiros, devemos esperar da primavera neste 2019 sinistro? Segundo o Inmet, a estação deve ter menos chuvas do que o normal para a época (exceto em SP, MG e RJ). Embora partes do Sul e Sudeste tenham começado a primavera com cara de inverno, na maior parte do país o inverno já se despediu de vez. Os estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina serão uma exceção neste início do equinócio, uma vez que devem receber uma frente fria vinda da Argentina e do Paraguai, trazendo chuva forte para a região e talvez até granizo. Paraná e do Mato Grosso do Sul também serão impactados, mas com menor intensidade. Este quadro será mudado gradativamente, quando o clima vai começar a esquentar para receber o verão.

Muitas áreas da costa nacional vão passar a primavera com temperatura da água do Atlântico Sul abaixo do normal, o que dificulta o deslocamento normal das frentes frias. O que significa? Que o surfe de john talvez tenha que continuar, e que os termômetros devem registrar temperaturas de 1°C a 1,5°C acima da média em quase todos os estados do país, de modo gradativo.

Com os dias parecendo mais longos e as noites mais curtas, a gente já lembra do horário de verão chegando em meados de outubro. Neste ano, porém, o governo, guiado por estudos técnicos, informou que não vai adotar a medida. Para os que gostam: calma, por enquanto a decisão vale só para este ano. Enquanto isso, bora tirar a poeira do traje de banho, acampar ao ar livre, fazer aquela trilha ou aquela viagem de bike e aproveitar a vida lá fora na estação mais florida do ano. Boa primavera! :)

Fonte: www.g1.globo.com.br

×

Olá

Clique no nome do atendente para tirar suas dúvidas ou envie um email para:  [email protected]

×