Se você tá acompanhando a gente pelo Instagram, você sabe que tivemos dias de glória na Expedição Brotas, parte do nosso projeto Everyday Living. Além do rolê irado pelo rio Jacaré Pepira, a gente também passou um bom tempo explorando as cachoeiras locais. Então, é com bastante convicção que a gente diz: se uma alguma coisa que entendemos, é que praticidade, cuidado, atenção e preparo podem transformar completamente uma experiência outdoor. Especialmente se for em uma cachoeira.

Se liga nas dicas que separamos para otimizar seu tempo e te ajudar a estar preparado para qualquer coisa que possa acontecer no seu próximo rolê para uma cachu:


1. Pesquise sobre cachoeira e a região antes de ir

Como em qualquer viagem ou passeio, é de extrema importância fazer um bom planejamento. E, isso inclui pesquisar muito sobre o lugar a ser visitado. Existem diversos sites que contém muita informação sobre as cachoeiras espalhadas no nosso país.

Ao pesquisar, verifique como chegar ao local, o grau de dificuldade das trilhas até a cachoeira, se o espaço tem permissão para banho, se existe a cobrança de ingressos ou mesmo agendamento prévio para a visita, onde estacionar o carro, se tem um lugar próximo para comer ou se deve levar algo, etc. 

É importante também, conferir se o lugar possui sinal de celular, caso haja qualquer imprevisto no passeio. Assim, você fica muito mais preparado para aproveitar o passeio, sem surpresas ou mesmo decepções.

2. Escolha uma data adequada para o passeio

Após procurar informações sobre a região da cachoeira, certifique-se de marcar seu passeio em uma data adequada. Épocas de chuva costumam deixar o ambiente mais perigoso, aumentando as chances de quedas e de outros acidentes.
 

Buscar a previsão meteorológica também é importante para evitar esses problemas que podem acabar de vez com sua diversão. Caso chova, o mais recomendado é simplesmente voltar para casa para evitar todos os riscos atrelados à atividade.

3. Organize uma mochila com tudo que considera essencial

Normalmente os passeios em cachoeiras têm duração de um dia. Mesmo assim, é bem importante preparar uma mochila bem pensada e planejada para o rolê. Nela, é preciso ter roupas adequadas para trocar após o banho, toalhas, produtos de higiene pessoal e até um kit de primeiros socorros. É aquele papo, né: aventureiro prevenido vale por dois.

Além disso, lembre-se de levar água, sucos e comidas leves (de preferência que não precisem de cozimento). Pode apostar que a caminhada e o banho vão dar bastante sede e aquela fominha padrão. Leve também sacos plásticos, para recolher o lixo do local, é claro.

Com certeza, você vai querer tirar muitas fotos do passeio. Então, lembre-se de carregar sua câmera e ter seu smartphone com bateria, para garantir todas as lembranças do passeio. Se chover, não tem problema. Se você levar tudo isso na nossa bolsa estanque, não tem crise.

4. Deixe de levar o que não for necessário

Fazer uma mochila bem pensada é TUDO, mas saber o que não é essencial também é muito importante. Nessa hora, vale pensar na sua intenção com o passeio e filtrar o que levar.

Lembre-se que a trilha até a cachoeira pode ser grande, então, levar uma mochila com o peso adequado vai evitar desgaste físico, gerar mais conforto e, principalmente, suprir suas necessidades mais básicas.

5. Use calçados seguros

Alguns calçados não são recomendados para um rolê na cachoeira. Os chinelos de dedo, por exemplo, não proporcionam a aderência necessária e podem levar você a um tombo. Eles também não são antiaderentes e agarram lama, ou seja: não são uma boa ideia.

Durante a trilha use um tênis ou mesmo botas para a caminhada. Nas cachoeiras, use calçados apropriados para a água, com solados emborrachados. Isso porque, nelas existem muitas pedras lisas, que podem acarretar quedas.

6. Verifique a profundidade antes de mergulhar


Mesmo que você conheça a cachoeira, antes de mergulhar, sempre confira a profundidade da água. Com o tempo, as pedras mudam de lugar e poços que não existiam, podem ter se criado ao longo do tempo.

Sempre entre com calma na cachoeira, conferindo o terreno, até onde dá pé e é seguro nadar. Todo cuidado é pouco para evitar acidentes durante o passeio.

Além disso, evite mergulhar de cabeça. Nunca se sabe onde pode ter uma pedra, galhos ou objetos cortantes dentro da água. Se se sentir seguro para mergulhar, redobre a atenção com as pedras por onde pisa e caminha.


7. Cuidado com os obstáculos naturais

Ao fazer a caminhada para chegar no destino, é preciso tomar alguns cuidados. Sempre ande com calma, verificando onde pisa. Quando necessário, se apoie com as mãos e pernas e passe devagar por obstáculos que surgirem no caminho.

Ao mesmo tempo, ao andar na cachoeira, cuide bem onde pisa. Antes de colocar todo o peso do corpo na passada, confira se o local está seguro e aguenta seu peso. Sempre use as mãos para se manter apoiado e se preciso, se agache para fazer a travessia. Assim, você evita tombos e lesões desnecessárias.

8. Jamais atravesse uma corredeira

Nunca se sinta confiante demais diante da força da natureza. Não se deixe enganar pelo que está vendo. Algumas corredeiras parecem fraquinhas na altura da lâmina d’água, mas por baixo são extremamente fortes e incontroláveis.

Sendo assim, jamais atravesse uma corredeira. As pedras submersas são escorregadias e a força das águas vai prejudicar o seu equilíbrio, o que pode gerar um acidente.

9. Cuidado com as cabeças d’água

Esteja sempre atento ao nível da água. No mínimo sinal de aumento do fluxo de água, saia imediatamente da cachoeira e vá para um local mais alto e seco.

O dia pode estar lindo, mas se choveu na parte de cima do rio que forma a cachoeira, é provável que uma cabeça d’água esteja a caminho. Sua força e velocidade são tão grandes que o risco de acidente é iminente.

10. Use protetor solar e repelente

Pode ser que em meio à natureza você não sinta tanto a ação do sol. Mas, o protetor solar é de extrema importância nos passeios. Assim, você evita aquelas queimaduras e até uma insolação. Usar um chapéu com proteção UV também é uma boa pedida para não voltar para a casa com o rosto pegando fogo.

Em meio à mata, existem diversos insetos que podem causar desconforto durante o trajeto. Para manter os mosquitos afastados, lembre-se de usar um bom repelente. Ainda mais, se você tiver alergia a algum tipo de picada de inseto.

EXTRA DICA 11: RECOLHA O SEU LIXO!

Nunca, nunquinha, sob hipótese alguma deixe seu lixo para trás. Leve quantas sacolinhas forem necessárias ou coloque até de volta na sua mochila, mas não deixe nenhuma embalagem, lata, garrafa, bituca de cigarro ou o que for que seja na cachoeira, na trilha e em todo o percurso.


E aí, você já é o aventureiro prevenido que faz tudo isso? De toda forma, é bom relembrar que um rolê para a cachoeira requer RESPEITO pela força da natureza, então, é essencial estar sempre atento aos sinais que ela dá. Agora partiu planejar o próximo mergulho?

Fique de olho no conteúdo do nosso Instagram porque vem muuuita cachoeira de tirar o fôlego por aí. #IntoTheOutdoors